Ao Vivo
Ao Vivo
Dhyna
Dhyna
Ligação
20:00 as 23:59
Notícias
Notícias

Santiago do Sul decreta situação de emergência

O município terá prejuízo de pelo menos 3 milhões de reais

Santiago do Sul decreta situação de emergência

A estiagem também castigou Santiago do Sul que na manhã desta quarta-feira (04) decretou situação de emergência. A intenção foi enviada ontem à tarde para a defesa civil do estado de Santa Catarina e também para o departamento nacional de defesa civil.

Por unanimidade, os membros da comissão de defesa civil municipal foram favoráveis ao decreto. O presidente da comissão e também secretário da agricultura Odair Pratti exaltou a expressiva quebra na produtividade principalmente de grãos no município santiaguense.

Segundo o levantamento da secretaria da agricultura, Santiago do Sul terá perda mínima de 50% no milho, 15% na soja, 40% no leite, 35% no fumo, entre outros cultivos como feijão, frutas e etc. Esse e outros cultivos somam um prejuízo de pelo menos 3 milhões de reais.

O que está gerando cada vez mais preocupação é a previsão do tempo que aponta 60 milímetros (mm) de chuva para o mês de janeiro, quando a média histórica para a região é de 180 mm. Somada com a ausência de chuva em dezembro de 2011 a situação tende a piorar.

Junto com a falta de produtividade também se aumenta a demanda de trabalhos no DMER e na agricultura. Na agricultura as máquinas priorizam a produção de silagem, pois o milho seca em maior rapidez exigindo antecedência na confecção da silagem e tumultuando o trabalho.

Da mesma maneira o DMER de Santiago do Sul está focado em atender a necessidade que surge com a falta de água, dando auxilio na limpeza de fontes e abertura de novas fontes. São 250 famílias afetadas no interior do município, além de surgir com isso outros prejudicados.


Ascom Santiago do Sul

Reunião da Comissão da defesa civil
Travessa João Winckler 15 - Centro
(049) 3433-1110
(049) 3382-2750
Xanxerê, SC - 89820000