Ao Vivo
Ao Vivo
Paulinho Ramos
Paulinho Ramos
Cidade, campo e canção
17:00 as 19:00
Notícias
Notícias

Mais uma decepção: Brasil empata com o Paraguai

Leia também: Rússia afunda o Brasil no tie-break e adia o sonho do deca na Liga Mundial.

Mais uma decepção: Brasil empata com o Paraguai

O Brasil mais uma vez decepcionou a sua torcida na Copa América. Após o empate sem gols com a Venezuela na estreia, o time de Mano Menezes ficou no 2 a 2 com o Paraguai, neste sábado, no Estádio Mário Kempes, em Córdoba.

O resultado levou o Brasil aos dois pontos no Grupo A, mesmo número do Paraguai.O primeiro gol da partida foi marcado pelo meia Jadson, que começou como titular na vaga de Robinho, aos 38 minutos do primeiro tempo.

O Paraguai melhor no segundo tempo e empatou com Santa Cruz, aos nove minutos. A virada veio aos 21, com Haedo Valdez. Aos 44, Fred evitou a derrota brasileira. 

Agora, a Seleção precisa vencer o Equador na próxima quarta-feira, também em Córdoba, para avançar às quartas de final sem depender do resultado dos seus adversários.


Chapecoense e Juventude empatam sem gols em amistoso

imageFaltou futebol, mas não faltou polêmica no amistoso entre Chapecoense e Juventude na tarde deste sábado (9) na Arena Condá, em Chapecó. O jogo terminou sem gols e foi marcado pela expulsão do técnico da Chapecoense, Mauro Ovelha, no primeiro tempo.

A partida ficou paralisada por sete minutos e a polícia foi chamada. Entre as entradas em campo das equipes e o início da partida foi feita a entrega de faixas a Chapecoense pelo tetracampeonato Catarinense.

Os dois times já tinham disputado uma partida amistosa no dia 2, vencida pela Chapecoense por 3 a 1 de virada no Rio Grande do Sul.As duas equipes voltam a campo no domingo da próxima semana, dia 17, para estrearem no Campeonato Brasileiro.

O verdáo enfrenta o Caxias, no Estádio Centenario, pela Série C. Já os gaúchos, começam a Série D contra o Brusque, no Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul.

 

Leão da Ilha empata mais uma

imageA síndrome dos empates e o tabu de vitorias teve mais um capítulo na história do Avaí neste sábado. O Leão empatou por 0 a 0 com o Atlético-PR, na Arena da Baixada, em Curitiba, e não saiu da vice-lanterna do Campeonato Brasileiro.

Os dois times ocupam as últimas colocações e seguem sem vencer na Série A. Na próxima rodada, sábado que vem, o Avaí enfrenta o Atlético-GO, no Serra Dourada, enquanto o Atlético-PR encara o Vasco, em São Januário.

 

Joinville vence o Brusque e é campeão da Copa SC

imageO Joinville venceu o Brusque por 2 a 1 no segundo jogo da final da Copa Santa Catarina. Jogando fora de casa e podendo perder por até três gols de diferença, o Tricolor jogou tranqüilo e saiu com mais uma vitória na final, conquistando seu segundo título da competição.

O Joinville abriu o placar aos 29 minutos com Pedro Paulo. O empate do Brusque veio aos 37 com Leandrinho. O JEC passou à frente do placar ainda na primeira etapa com um gol de Jaílton. Esta foi a terceira decisão da Copa Santa Catarina disputado entre as duas equipes.

Em 2008, o Brusque conquistou o título dentro da Arena Joinville e em 2010 o time venceu mais uma vez a Copinha em cima do JEC. O Joinville era campeão apenas uma vez da competição. Em 2009, a equipe tricolor derrotou o metropolitano na final.

 

Brasil é eliminado pelos EUA nos pênaltis do Mundial Feminino

imageA seleção brasileira está fora da Copa do Mundo de Futebol Feminino. Após um empate em 2 a 2 com os Estados Unidos em 120min, a equipe levou 5 a 3 nas cobranças de pênalti e cai nas quartas de final.

O adversário das norte-americanas nas semifinais será a França, que venceu a Inglaterra neste sábado em Leverkusen.

Os Estados Unidos abriram o placar logo a 2min. Shannon Boxx cruzou e Daiane, ao tentar cortar, acabou mandando contra o próprio patrimônio. O Brasil pressionou em busca do empate e, aos 37min, Fabiana mandou na trave.

O primeiro tempo terminou com o placar favorável às norte-americanas. A forte marcação adversária dificultou as ações ofensivas brasileiras no segundo tempo. A solução foi apostar no talento individual das jogadoras de frente.

Aos 19min, Marta recebeu lançamento pela esquerda e tentou aplicar um “chapéuzinho” em duas adversárias. Acabou sendo derrubada dentro da área por Buehler, que levou cartão vermelho no lance. Cristiane cobrou, mas Hope Solo defendeu. A árbitra Jacqui Melksham mandou voltar.

Marta chamou para si e converteu o chute, igualando o placar. O Brasil não conseguiu aproveitar a vantagem numérica e foi pressionado até o final do tempo normal. Com o empate em 1 a 1, viriam os dois tempos de 15min da prorrogação. Logo aos 2min do primeiro tempo extra, a bela santista Maurine cruzou e Marta apareceu para, com um bonito toque, encobrir a goleira Hope Solo.

Os Estados Unidos pressionaram e conseguiram o empate aos 16min da etapa complementar, em um dos últimos lances do jogo. Após chuveirinho na área, Wambach passou pela zaga brasileira e cabeceou para levar o jogo para a disputa dos pênaltis.

Nas cobranças de pênalti, a única jogadora a desperdiçar seu chute foi justamente a autora do gol contra, a zagueira Daiane, que viu a bola parar nas mãos da goleira Hope Solo. Cristiane, Marta e Franciele converteram para o Brasil.

As autoras dos gols norte-americanos foram Boxx, Carli Lloyd, Abby Wambach, Megan Rapinoe e Alex Krieger.

 

Rússia afunda o Brasil no tie-break e adia o sonho do deca na Liga Mundial

imageAntes da semifinal, tinha sido um atropelamento. Os reservas brasileiros nem fizeram cócegas na Rússia, mas naquele momento o jogo não valia nada. Neste domingo, era para valer o reencontro entre velhos rivais da Liga Mundial.

No primeiro set em Gdansk, com vitória brasileira por 25/23, parecia mesmo que desta vez o vencedor seria outro. Não foi. Até a última bola de um jogo dramático, os russos mostraram que não importa se são titulares ou reservas do outro lado da rede.

Com um suado 3 a 2 (parciais de 23/25, 25/27, 25/23, 22/25 e 15/11), a equipe europeia se impôs no tie-break, derrubou os comandados de Bernardinho e adiou o sonho do decacampeonato.

Nos últimos dez anos, o Brasil tinha conquistado oito taças da Liga. As únicas exceções tinham sido em 2008, quando perdeu para os Estados Unidos, e lá atrás, em 2002, quando caiu diante da própria Rússia, que agora garante seu segundo título.

 

Kukki Galvagni

Folha Regional

Seleção saiu na frente, levou a virada e Fred evitou a derrota nos minutos finais: 2 a 2
Partida foi marcada pela expulsão de Mauro Ovelha no primeiro tempo
Leão não passou do 0 a 0 com o lanterna Atlético-PR, na noite deste sábado, em Curitiba
JEC fez 2 a 1 fora de casa e conquistou seu primeiro título sobre a equipe do Brusque
Travessa João Winckler 15 - Centro
(049) 3433-1110
(049) 3382-2750
Xanxerê, SC - 89820000